gestão da inovação

5 dicas de gestão da inovação para implementar em sua organização

Powered by Rock Convert

Quanto você gasta para produzir uma ideia inovadora em sua organização? Para se destacar no mercado, é natural que as corporações busquem alternativas, como a gestão da inovação, para melhorar o rendimento de suas equipes. Antes de partir para a definição do termo, precisamos entender: afinal, o que é inovação?

De acordo com a sua definição, ela tem como objetivo utilizar algo já existente no mercado para gerar uma nova demanda para os consumidores. Para isso, deve-se buscar uma nova utilidade para aquilo que já existe. Com a venda desse novo produto, a organização passa a se destacar no mercado e, por isso, tem a chance de garantir uma alta margem de lucro.

A gestão entra como papel de aplicar a inovação também na forma de trabalho. Como veremos no artigo, ao aplicar a ideia na corporação, os funcionários passarão a desempenhar seus respectivos papéis de forma mais estratégica e otimizada.

Depois de ler o post, você saberá como encontrar novas formas de reduzir e resolver o número de problemas! Mas antes, entenda mais sobre o processo de gestão da inovação!

Saiba o que é gestão da inovação

A gestão da inovação tem como princípio revolucionar não apenas na forma de lançar novas soluções, mas também mudar o modo de trabalho dos colaboradores. Com uma equipe preparada, eles contarão com o desenvolvimento de novas estratégias, ideias e recursos para gerar a inovação.

O processo é dividido em várias etapas, entre elas:

  • avaliar o potencial de uma ideia;
  • caso algo dê errado, decidir o que deve ser alterado;
  • verificar quais recursos disponíveis deverão ser utilizados para que a ideia ganhe vida.

 

Para isso, é necessário contar com uma equipe capacitada. Mas, afinal, qual a importância de transformar toda uma organização?

Entenda qual a sua importância no mundo dos negócios

Ao implantar a gestão da inovação em diferentes companhias, o mercado tende naturalmente a se esforçar mais para produzir produtos ainda mais inovadores. Isso ocorre para que as organizações se mantenham em destaque diante da concorrência e, consequentemente, aumentem as suas vendas.

A adoção de novas estratégias pode não apenas afetar o resultado do produto, mas também influenciar positivamente a forma de trabalhar dos colaboradores, bem como encontrar novas formas de diminuir o fenômeno de “apagar incêndios”, por exemplo.

Dicas para utilizar a gestão da inovação em sua companhia

1. Crie uma cultura de inovação

Para garantir que a organização traga resultados transformadores, é necessário desenvolver um trabalho para que todos os colaboradores ajam em prol da inovação.

É natural que algumas pessoas não estejam habituadas com a nova forma de trabalho, por isso, deve-se disponibilizar treinamentos, palestras e cursos sobre as atividades que serão executadas dentro da equipe. Além disso, como a adaptação leva um tempo até que todos se acostumem com a nova ideia, considere que o investimento deve ser pensado entre médio e longo prazo.

2. Firme parcerias rentáveis

Um ponto importante a ser abordado na gestão da inovação é na forma como as equipes trabalham com seus parceiros. Ao buscar uma parceria com alguma instituição que já atue na área, a organização passa a desenvolver rapidamente a sua equipe interna.

A troca de experiência em diferentes metodologias, em que cada um compartilha a sua expertise, permite que todos reduzam significativamente o tempo necessário para desenvolver uma nova ideia.

2.1. Trabalhe com diferentes agentes

Outro ponto a se observar é que as parcerias vão além da organização interna. Caso a organização pense em realizar um projeto paralelo, fornecedores, instituições de pesquisas e até mesmo fornecedores poderão contribuir com o desenvolvimento.

Dessa forma, é possível observar um ponto de vista diferente da companhia. Assim, a modalidade permite que novas ideias surjam com a troca de experiências e riscos entre as diferentes áreas.

3. Crie metas e mensure os resultados

Para que a companhia saiba o quanto está evoluindo, o gestor deve estabelecer quais as metas que deverão ser alcançadas pelos colaboradores.

Complementando o item anterior, ao desenvolver novas estratégias utilizando diferentes expertises, as equipes podem usar o novo conhecimento para alcançar os resultados desejados para um determinado período.

O processo torna o ambiente mais saudável, além de incentivar sempre o desenvolvimento para resultados ainda mais inovadores.

4. Crie campanhas de inovação da equipe

Outro recurso que tem chamado a atenção de organizações é a adoção de workshops como forma de desenvolver um novo assunto. As atividades permitem que os participantes discutam entre si sobre um termo abordado.

Dessa forma, além de compartilhar ideias, os componentes do grupo têm a oportunidade de desenvolver a sua criatividade e, quem sabe, desenvolver uma solução para um problema que estava procurando.

Para ser mais efetivo, é recomendado que o treinamento criativo seja feito fora do ambiente organizacional, afinal, a ideia é justamente sair da rotina e pensar de pontos de vista diferentes.

5. Entenda outras formas de obter lucro

Para evitar qualquer imprevisto, principalmente com custos de produção, o gestor deve desenvolver estratégias e traçar quais objetivos uma inovação deve atingir. Apesar das organizações terem como objetivo o lucro financeiro, a gestão da inovação procura, também, criar novas formas de ganho.

Entre elas, a inovação pode ter como objetivo:

  • melhorar a imagem da organização;
  • criar posicionamento no mercado;
  • aumentar a base de clientes.

 

Mesmo que os ganhos não estejam diretamente ligados ao lado financeiro, a organização, caso tenha bons resultados, poderá usufruir dos benefícios monetários a longo prazo.

5.1. Reduza custos

Como dissemos, o processo de inovação não envolve apenas o produto em si, mas também a forma que os funcionários atuam na organização.

Dessa maneira, por meio dos treinamentos citados, a equipe passará a desenvolver novas formas de trabalho.

Por meio de metodologias, é possível, inclusive, encontrar formas de reduzir os custos de produção, tornando o desenvolvimento mais econômico e a margem de lucro ainda maior.

A busca pela inovação é essencial para manter uma boa competitividade e sustentabilidade da organização. Ao trazer o colaborador para um ambiente em que possa aprender novas habilidades e discutir ideias, demonstra o quanto a corporação se preocupa com o desenvolvimento dos seus colaboradores.

Como consequência, é natural que o engajamento entre a equipe se torne mais forte, permitindo que seja desenvolvido novas soluções para os problemas tanto na forma de trabalho, quanto no desenvolvimento de novos produtos.

E você, está pronto para aplicar a ideia de gestão da inovação em sua organização? Compartilhe a ideia nas redes sociais!

Banner_Client 05

Powered by Rock Convert